As reuniões do Grupo Oficina Literária de Piracicaba são realizadas sempre na primeira quarta-feira do mês, na Biblioteca Municipal das 19h30 às 21h30

SEGUIDORES

MEMBROS DO GOLP

MEMBROS DO GOLP
FOTO DE ALGUNS MEMBROS DO GOLP

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

A semente da felicidade




Carmen M.S.F. Pilotto

Naquela tarde após uma rotina exaustiva, chegando em casa com os ombros curvados, vi um envelope pardo pousado sobre o chão do abrigo. Pensei:
- Mais uma daquelas correntes que odeio... Porque, de fato, não acredito em nenhum momento na eficácia das mesmas. De má vontade me arqueei um pouco e apanhei o pacote. Por fora, em letra caprichada, um delicado título Acadêmica e o meu nome completo. Curiosidade despertada, pois não se tratava de missiva entregue pelo correio.
Na parte interna um delicado soneto, uma semente  e uma missão: Plantar uma árvore em comemoração a efeméride do dia. Pensei:
- Meu Deus, agora não tenho como escapar, não posso me isentar da responsabilidade de lograr a tarefa a mim destinada. E, com o maior prazer, defini um local e cumpri minha tão nobre tarefa e me senti muito feliz!
Em minha alma, no momento do plantio, fiquei imaginando que nosso amigo Acadêmico, sem utilizar nenhuma mídia social ou fazer grande alarde, relacionou um pequeno número de eleitos e semeou sua linda e feliz ideia. Lembrei do lançamento de seu livro, com maravilhosos sonetos, cujos exemplares não ficaram disponíveis em livrarias mas foram distribuídos individualmente e com o carinho por ele e sua amável esposa. A cada entrega era como se um tesouro fosse compartilhado com entes queridos.
Nos dias de hoje, em que tudo é autopromoção e egos inflados, meu amigo provou que ser nobre é ser humilde e acreditar que sonhos simples multiplicados transformam o mundo em um lugar ainda possível.

Não direi o nome dele porque certamente ele ficará feliz se eu assim o fizer,  mas muitos saberão sobre quem estou falando e isso vai certamente fazer com que muitos pensem sobre certas atitudes em nosso cotidiano...

2 comentários:

Anônimo disse...

Oi Carmem.Obrigado pelas suas lindas palavras. Fico muito lisonjeado. Agradeço,principalmente por ter aceitado a missão proposta. Ao todo distribui 450 sementes dentro dos 150 sonetos distribuidos. Após a distribuição a todos nossos amigos de Letras, os 90 restantes entreguei-os aos 13 noivos e noivas que se casaram no Cartório no dia 21/set, bem como a seus respectivos padrinhos e madrinhas.
Se 10% das sementes nascerem e se tornarem,adultas, teremos pelo menos 45 Pitangueiras a mais frutificando dentro de alguns anos.
Carinhoso abraço.
André.

Anônimo disse...

Querido André, escrevi o texto tão embargada de emoção que até fiquei repetitiva em algumas palavras, mas achei sua atitude muito criativa e de uma bondade indescritível. Parabéns, tenho muito orgulho em estar na sua lista de endereços e lembranças!
Carmen