As reuniões do Grupo Oficina Literária de Piracicaba são realizadas sempre na primeira quarta-feira do mês, na Biblioteca Municipal das 19h30 às 21h30

SEGUIDORES

MEMBROS DO GOLP

MEMBROS DO GOLP
FOTO DE ALGUNS MEMBROS DO GOLP

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Piracicaba em Traços e Cores - IPPLAP

Departamento de Patrimônio Histórico - Instituto de Pesquisas e Planejamento de Piracicaba

Se uma imagem vale mais que mil palavras, transformada em arte fica muito mais eloquente. Piracicaba é conhecida e reconhecida por suas paisagens culturais, principalmente aquela paisagem ao redor do Rio Piracicaba, retratada desde o século XIX por muitos artistas. Piracicaba em Traços e Cores procura recordar cenas, paisagens e lugares da cidade na forma de arte. Com vários traços e muitas nuances de cores, vamos conhecer e reconhecer Piracicaba, que já foi cantada em verso e prosa. O Instituto de Pesquisas e Planejamento de Piracicaba – Ipplap lança amanhã, 28, às 19h30, no Museu Histórico e Pedagógico Prudente de Moraes, o livro “Piracicaba em traços e cores” editado pela autarquia. Na oportunidade também será aberta a exposição de ilustrações de Andrei Bressan e Renata Andia Amalfi.
Antonieta Mendes, diretora do Museu Prudente de Moraes com as escritoras Ivana Negri e Carmen Pilotto que prestigiaram o lançamento do livro "PIRACICABA EM TRAÇOS E CORES"( ilustrado pelos artistas Andrei Bressan, Renata Amalfi e Salvatore Aiala) representando a Academia Piracicabana de Letras e os grupos Literários GOLP e CLIP.
O livro é um projeto do IPPLAP e será distribuídos às escolas, instituições e bibliotecas

Componentes da mesa apresentando o livro, Marcelo Cachioni, do Departamento de Patrimônio Histórico, To Mendes, diretora do Museu e a artista Renata Andia Amalfi.

O livro, que teve coordenação editorial do Departamento de Patrimônio Histórico - DPH do Ipplap,  foi  pensado para transformar em arte algumas imagens emblemáticas da cidade, incluindo aí lugares e prédios, muitos deles que já desapareceram da paisagem, mas que estão presentes na memória de muitas pessoas, como o Hotel Central, o Teatro Santo Estevão ou mesmo o rio Piracicaba.   “A ideia foi transformar estas imagens, que já são comuns e reconhecidas, em arte”, explica Rafael Ciriaco de Camargo, Diretor-Presidente do Ipplap. “Tivemos a intenção, para quem conheceu, de trazer uma nova memória destes lugares e, em outros casos, recuperar uma memória da cidade, da paisagem cultural de Piracicaba, principalmente para as pessoas que não conheceram estes cenários como eles eram”, complementa Marcelo Cachioni, diretor do DPH.
Para elaborar o livro, houve uma seleção de série de fotos de lugares e prédios expressivos da cidade, que foram repassados aos artistas, que utilizaram técnicas variadas (água forte, aguada de nanquim, lápis, óleo sobre tela e ilustrações digitais) para produzir as ilustrações com base em fotos antigas da cidade de várias épocas. Também são utilizadas imagens de postais colorizados. Além das ilustrações, há um texto explicativo sobre estes lugares e também frases que foram ditas e publicadas em diversas épocas e que contam alguma história sobre os prédios e os lugares.
O livro será encaminhado, após o lançamento, para escolas e colégios da cidade e, segundo Cachioni, poderá ser utilizado como livro didático. “Pretendemos que ele ensine sobre estes locais para as crianças.”
A exposição, que também será aberta amanhã, é composta pelos 26 quadros que foram desenvolvidos para o livro. Ela ficará montada até dia 30 de setembro, das 9h às 17h.
O evento de lançamento do livro e abertura da exposição é aberto ao público. O Museu Histórico e Pedagógico Prudente de Moraes está localizado na Rua Santo Antônio, 641.

Um comentário:

Maria de Fátima Rodrigues disse...

Parabéns a todos, e principalmente a vc IVANA... sempre atenta e com ativa participação na Cultura de nossa querida cidade! Vc mereceu e merece muitas homenagens por tanta iniciativa em divulgar quase TUDO que acontece em Pira, não só sobre cultura... bjs.