As reuniões do Grupo Oficina Literária de Piracicaba são realizadas sempre na primeira quarta-feira do mês, na Biblioteca Municipal das 19h30 às 21h30

SEGUIDORES

MEMBROS DO GOLP

MEMBROS DO GOLP
FOTO DE ALGUNS MEMBROS DO GOLP

segunda-feira, 25 de julho de 2016

25 de JULHO: DIA DO ESCRITOR


Elda Nympha Cobra Silveira

O “Dia do Escritor” surgiu após a realização do “I Festival do Escritor Brasileiro”, iniciativa da UBE. O grande sucesso do evento foi primordial para que, por intermédio de um decreto governamental, a data fosse instituída por força de Lei, com a finalidade de celebrar a importância do profissional das letras. Aqui será comemorado no dia 27 de julho no “Recanto dos Livros” no “Lar dos Velhinhos” às 9h da manhã.
Parentes e amigos todos estão convidados!
O escritor deve ser acima de tudo, sensível aos sentimentos humanos, e tentar sempre passar a sua verdade interior. Como disse Pessoa “o poeta é um fingidor...” Piracicaba é a Terra dos pintores, escritores, poetas, que traduzem o espírito romântico e imaginoso de nossa geopsique banhados que somos pelo Rio Piracicaba e outras paragens mil, que inspiram nossos escritores. Assim surgiram escritores que nos deixaram saudades pelos textos e convivência de amizade, pelo bom exemplo e afinidades intelectuais e satisfatórias convivências como minha amiga de longa data Maria Cecilia Machado Bonachela que lançou vários livros, era colaboradora do Jornal de Piracicaba. Ministrou cursos sobre poesia na antiga Biblioteca Municipal. Seu livro “Três Fases”, que ela me presenteou, enviei para meu filho Fábio, hoje médico, que antes dos dezoito anos, esteve na Austrália através de intercâmbio do Rotary Clube Centro.
Nossa companheira querida: Maria Emilia Redi tanto no (CLIP) (GOLP) (APL) Clube dos Escritores, sempre nos ofertando belas poesias com muita emoção.
Ludovico da Silva, pelo seu grande valor, a quem muito devemos pelo seu trabalho no Jornal “A Tribuna”, na secção “Prosa e Verso”, divulgando nossos textos literários.
O “Príncipe dos Poetas Lino Vitti” que nos deixou à poucos dias, nos seus noventa e cinco anos de uma vida profícua de valores literários e que sempre nos honrou através de jornais e livros de primeira qualidade! Personagem marcante!
Maria Helena Gaspar Bueloni aquela doçura de mulher! Entusiasta da literatura que escrevia poesias com sensibilidade comparecia a todos os eventos literários sempre.
Virginia Pratta Gregolin, escritora nata que sabia expressar sentimentos como ninguém nas suas poesias bucólicas, que enalteciam sempre o campo, onde viveu.
Marlene Georgette Cury Abbas Cassab, sempre presente nas reuniões do CLIP e outros com sua verve sutil.
Temos Adriano Nogueira, Fernando Ferraz de Arruda, Guilherme Vitti, Homero Anefalos, escritores que marcaram suas presenças no nosso meio literário com muita capacidade e conteúdo. Como é gostoso ler seus textos cheios de lirismo.
Elias Sallum, de muita capacidade e cativante personalidade pessoa invulgar na nossa sociedade, profícuo de disponibilidade a tudo que envolvesse literatura.
Antonio Henrique Carvalho Cocenza, literato por natureza, esbanjando genialidade e competência, foi um expoente incontestável no nosso meio literário. Seu elogio ao meu livro “Limiares”, da qual sou agradecida até hoje, possibilitou que o meu livro fosse escolhido pela Secretaria da Ação Cultural, para publicação.  Esse foi meu incentivo para continuar na agradável tarefa de ser escritora.

Falar de Samuel Pfromm Netto, de grande brilhantismo do seu gênio literário e amor a sua Piracicaba. Conheci-o desde moço, simples e generoso como são os que verdadeiramente têm talento inato.

Um comentário:

Esther Vacchi Passos disse...

Parabéns a todos os escritores e amantes da leitura.