As reuniões do Grupo Oficina Literária de Piracicaba são realizadas sempre na primeira quarta-feira do mês, na Biblioteca Municipal das 19h30 às 21h30

SEGUIDORES

MEMBROS DO GOLP

MEMBROS DO GOLP
FOTO DE ALGUNS MEMBROS DO GOLP

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Seminário sobre Africanidades



Curso de Letras e Centro de Documentação e Cultura Negra realizam seminário sobre africanidades


O curso de Letras-Português da Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep) e o Centro de Documentação e Cultura Negra realizam na próxima quarta-feira, dia 31, às 19h30, no Auditório Verde da Universidade, o I Seminário sobre Africanidades do Curso de Letras. O evento é aberto a todos os interessados e a entrada é franca.
  

PIRACICABA, 29 de outubro de 2012 – A complexidade da História da África e a beleza de sua cultura são referências fundamentais para aqueles que querem conhecer mais a fundo a origem e a formação do povo brasileiro. Tema transversal obrigatório no currículo escolar do ensino fundamental ao superior, a cultura africana vem também conquistando cada vez mais espaço no cenário universitário, entre estudantes de graduação dos mais diversos cursos e pesquisadores pertencentes a diferentes programas de pós-graduação de universidades públicas e privadas. Atentos a esse movimento, o Curso de Letras-português da Unimep e o Centro de Documentação e Cultura Negra de Piracicaba promovem na próxima quarta-feira, 31, o I Seminário sobre Africanidades do Curso de Letras. O Evento acontece no Auditório Verde da Unimep, a partir das 19h30, com entrada franca.

Pensado a fim de proporcionar uma maior reflexão sobre a importância da tradição histórica e cultural africanas, o seminário contará com a participação dos professores Antônio Filogênio Júnior (da Faculdade Claretianas de Rio Claro) e Josiane Maria de Souza (Unimep). Antônio Filogênio Júnior é filósofo, teólogo, especialista em Filosofia e em Ensino da Filosofia. A professora Josiane Maria de Souza é doutora em Teoria e História Literária e coordena o curso de Letras-português da Universidade Metodista de Piracicaba. Na pauta programada para esse seminário estão questões referentes à História oral da África, à literatura africana contemporânea de países lusófonos e a aspectos gerais da cultura e da religiosidade africanas. Os professores lerão também trechos de livros selecionados por eles especialmente para a ocasião.

A literatura africana lusófona, como a angolana e a moçambicana, há tempo tem o seu lugar garantido entre os leitores portugueses, mas no Brasil esses autores começaram a conquistar maior espaço há pouco tempo – comenta a professora Josiane Maria de Souza. “A presença de autores como o angolano José Eduardo Agualusa e do moçambicano Mia Couto no cenário brasileiro favoreceu o contato do leitor brasileiro com a literatura pós-colonial africana,” destaca a professora. E a força dessa temática parece ser tanta que o curso de Letras-português da Unimep introduziu, já para 2013, a disciplina de Literatura Africana no programa de disciplinas do curso. “É importante que o professor de língua portuguesa conheça essa literatura a fim de que possa introduzir o tema em sala de aula, orientando a leitura de seus alunos,” afirma Josiane.       
  
O Seminário é aberto a todos os interessados e espera receber, em especial, professores de literatura, história e filosofia. Além disso, os organizadores contam ainda com a presença de alunos do ensino médio das escolas da cidade – uma vez que o tema diz respeito também a um conteúdo que pode ser cobrado em alguns dos principais vestibulares do país.


Serviço

I Seminário sobre Africanidades do Curso de Letras-português da Universidade
Metodista de Piracicaba.

Local: Auditório Verde da Unimep
Data e horário: quarta-feira, 31, às 19h30
Entrada franca

Contatos: Josiane Maria de Souza. 3124-1687
               Alexandre Bragion: 9733-4933 /33742077  

Nenhum comentário: