As reuniões do Grupo Oficina Literária de Piracicaba são realizadas sempre na primeira quarta-feira do mês, na Biblioteca Municipal das 19h30 às 21h30

SEGUIDORES

MEMBROS DO GOLP

MEMBROS DO GOLP
FOTO DE ALGUNS MEMBROS DO GOLP

terça-feira, 14 de agosto de 2012

Cai Pira


Rodrigo Marques de Menezes

Caipira é mais um jeito de ser
Que de incerto, soa
É rio de uma voz que, num concerto, cora
É peixe que, fora d’agua, entoa
É cheiro de mato e de lagoa
É suor que, do sol, destoa
É lua que, de cachaça, posa
É cachoeira que, sobe desce aproa
É luz que, ao contrário, ecoa
É chão que, de tão pássaro, voa

Um comentário:

Anônimo disse...

Esse talvez Angico, essa talvez Garça, esse talvez lago, retratam de forma interessante o rico universo caipira, que cai em pira, que cai e pira, que se faz e refaz, que se destrói e se constrói, na velocidade dos pássaros que vir-ão carros e carros que vir-ão pássaros...
Grato pelo golp de poesia,
Rodrigo